11 de maio de 2008

As Más Razões


Se eu pudesse por entre mim próprio
Mudaria o Mundo
Mudaria o tempo e as vozes que com ele caem
Pois bem mas eu não fecho os olhos, não durmo

Um dia a luz do Sol mudará os nossos olhos
A separação e a força rebentaram com a luz
O Choque e a velocidade dar-nos-ão o esquecimento
Pois bem mas eu não fecho os olhos, não durmo

Fico aqui ao teu lado, fico para quando precisares
Porque um dia podes precisar
Porque um dia podes não ter, podes não ser igual aos outros
Estou aqui e estou só para ti

Já dizia o antigo "Melhor aliado do conhecimento, a experiência"
Porque para mim ninguém esteve, fui diferente
Não tinha e não sabia o que era não ter
Pois bem mas eu não fecho os olhos, não durmo
Estou aqui porque podes precisar