1 de setembro de 2008

Unique


Eu andaria cidades e mares se preciso fosse
para até ao teu coração chegar
Roubaria a estrela mais brilhante
para o meu caminho iluminar


Poderia cair, falhar e perder
mas da vontade de até ti chegar
nunca me afastaria
Nunca viraria as minhas costas

Vales o que palavras não podem explicar
Tens em ti um coração que é meu
Sabes bem como ele foi feito só para ti
És um desejo, uma força maior, uma Vida

Quando me beijas,
Acerca do Mundo e do que nele acontece
Eu mais nada sei
Eu mais nada quero saber
Eu a mais ninguém pertenço

Sempre Contigo Estrela