25 de outubro de 2010

O Teu Calor



O que vivemos juntos nunca se perdeu.
Nunca saís-te de dentro de mim, continuas intocávelmente perto. Esta tua presença em mim protege-me, torna-me maior, dá-me uma expressão, traz-me o teu calor...
Não há dia nem hora em que não apareças por aqui, em que esse teu sorriso secreto não se esconda pelos cantos e histórias do meu dia.
Tu fazes acontecer, eu não me rendo. Sei que um dia será dia. Sei que quando chegar esse dia a luta será fazer com que a vida dure mais. Quem sabe tentar acrescentar mais uma hora a cada dia... mais uma hora para te olhar.
Haverá alguma coisa mais valiosa que o teu sorriso, o mesmo que num traço de vergonha e timidez partilha comigo o silêncio que faz o tempo parar... Não... Ao fim de tanto tempo, eu sei que não.
Nem tudo muda, nem tudo parte... Ainda sinto o teu peito junto ao meu e os nossos olhos fechados, ambos aprendendo a perdermo-nos um no outro...

Ser Jovem
Saudades do Calor

20 de outubro de 2010

Conhece-me


Eu sei que tu me sentes de alguma maneira
Sei que ao voltares aqui, ao nosso sitío
de alguma forma que não sei bem explicar, tu sentes-me

Este sentir é em pleno
Tão pleno como cada palavra
de cada texto que até hoje aqui deixei

Como se ainda estivesse naquele jardim...
nos corredores do pavilhão C, B, H, sei lá...
do outro lado da rede, mais concentrado em ti do que na bola que aí vinha...

Este sitío, é e será o testemunho das histórias
mais bonitas que eu já vivi
O sitío por onde o tempo não passou

E é por isso que cá estou
Respiro cada final de dia em que o meu coração batia
e sentia cada momento contigo, como uma Vida

Tu sabes quem eu sou
Eu mudei
Tenho menos amigos, mas melhores
Menos certezas, mas mais seguras
Não lembro tanto, mas realmente sinto mais.


Mas...
eu sempre estarei "aqui"

Ser Jovem
"Só tu me conheces"

7 de outubro de 2010

Vive Alto


Posso ficar contigo hoje?
Posso dar-te a mão quando estiver frio?
Posso te enviar uma carta no dia 14 de Fevereiro?
Posso deitar-me ao teu lado na relva do jardim?
Posso dar-te um beijo à frente de 572 pessoas?
Posso te levar a casa?
Posso levar-te a um lugar que existe só para nós?
Posso «dançar toda a noite» contigo?
Posso mostrar-te que também eu cresci?
Posso fazer mais, melhor e diferente?

Ser Jovem
Hora de Responder