30 de dezembro de 2010

Passagem




Passou mais um ano
Passaram coisas más, mas também passou tanta coisa que foi boa e me fez sorrir...
É isso que devo guardar (o best of 2010), o que é mau fica apenas num caderno para em 2011 fazer melhorias.

Entre alguns apontamentos que o ainda presente ano me deu, devo lembrar veementemente que a alegria da Vida não está nas coisas, está em nós, nas pessoas.
Vale a pena ser bem disposto em 99% dos 365 dias do ano. A boa disposição dá, não tem custo e (quase sempre) recebe.
Ninguém é perfeito e poucos são aqueles que são muito bons. Os que são muito bons vivem em constante equilíbrio numa corda instável e onde a queda, que os estragará, é eminente.
A nossa consciência é sem sombra de dúvida a melhor conselheira moral que podemos ter, lamentável é que seja tão pouco utilizada. É um ponto a investir todos os dias do ano.
Nada nos é oferecido, até a sorte requere muito trabalho

Luta, luta muito, sê integro, sê ciente de quem és, não te enganes a ti próprio, não digas que fazes Z se nem A consegues, segura as tuas convicções e procura incessantemente ser justo em todas as alturas da vida

Idolatra a Vida e ama os teus, assim não terás nenhuma tristeza em morrer

Um bom ano 2011

29 de dezembro de 2010


Ser Jovem
...meia palavra basta

28 de dezembro de 2010

A minha lição

Para se "ser"
é preciso obrar muito
e falar pouco


Ser Jovem
Gritar sem elevar o tom de voz

14 de dezembro de 2010

A Minha Primeira Vez

A primeira vez que fui a escola comecei a chorar porque não queria ficar ali "sózinho"... Isto foi à coisa de 15 anos atrás.
A primeira vez que entrei num estádio de futebol só pensei: "isto é bóe grande".
A primeira vez que fui sózinho de um sitío até outro nem sei explicar o que senti... foi demasiado bom. Ainda era um miudo e foi quando comecei a jogar futebol no Real S.C.
A primeira vez que ouvi U2 lembro-me que foi no meu quarto da antiga casa. Daí em diante foi sempre a ouvir mais e mais e ainda não enjoei.
A primeira vez que tive uma namorada não lhe conseguia dar beijinhos na boca. Agora que penso acho que não conseguia mesmo fazer nada, a não ser dizer que tinha uma namorada.
A primeira vez que conduzi um carro (com carta) furei um pneu. Sou um rapaz cheio de sorte.
A primeira vez que trabalhei (entenda-se por actividade remunerada) só pensava: "Estou a ficar um homem, já ganho dinheiro, já sou quase independente..." Que grande mentira. Só um miudo como eu para pensar e se convencer disso.
A primeira vez que viajei passei muitas horas dentro de um carro, foi cansativo e aborreceu-me. Só via ovelhas e árvores... Claramente a idade muda as coisas... Hoje adoro.
A primeira vez que escrevi aqui algo, queria que todos vissem. Hoje tem sempre um destino singular.
A primeira vez que comi caracoletas foi o meu Pai que me obrigou. Não correu bem, nunca mais comi.
A primeira vez que me vesti de Pai Natal consegui enganar com muita pinta os meus irmãos. Sou muito bom a enganar pessoas com 2 a 3 anos de vida.

A primeira vez que te beijei...
bem que podia ser para sempre.

Ser Jovem
Porque sim!

13 de dezembro de 2010

Duas Coisas

Duas coisas dos últimos dias:

Tudo tem sempre de começar por algum lado

e

A dúvida é a mãe de toda a sabedoria




Ser Jovem
O início do sempre